Buscar
  • Sinsenat

SINSENAT DENUNCIA ESQUEMA ILEGAL ENVOLVENDO SECRETÁRIO ADJUNTO DA SEMTAS E EMPRESAS TERCEIRIZADAS

O Sinsenat protocolou hoje (3) no Ministério Público Estadual e no Ministério Público do Trabalho denúncia gravíssima sobre ilegalidades praticadas por Hélder Fernandes - atual Secretário Adjunto da SEMTAS (Secretaria Municipal de Trabalho e Assistência Social).


Em reunião com funcionários terceirizados, o Secretário Adjunto foi GRAVADO EM ÁUDIO admitindo um suposto esquema existente na Secretaria envolvendo a empresa CLAREAR que presta serviço de terceirização de mão de obra. De acordo com a explicação dada por Hélder Fernandes aos funcionários terceirizados, eles foram contratados por INDICAÇÃO PESSOAL de gente da atual gestão da SEMTAS e, com o término do atual contrato e assinatura de um novo contrato emergencial, todos serão recontratados nas mesmas condições e com a mesma remuneração, INDEPENDENTE de qual empresa venha a ser contratada.


Além disso, o Secretário Adjunto EXIGE que os funcionários deem baixa na carteira de trabalho, mas CONTINUEM TRABALHANDO normalmente na Secretaria até que o novo contrato seja regularizado e eles sejam recontratados. Ou seja, trabalhem de forma ilegal na Secretaria. Para isso, ele promete RECOMPENSAR os terceirizados pelos dias trabalhados sem carteira assinada com DIÁRIAS EXTRAS e outras formas de compensação irregulares.


Todas as informações fornecidas aqui e na denúncia encaminhada ao MP/RN e ao MPT/RN podem ser confirmadas no ÁUDIO que está disponível no link: https://url.gratis/NM9YA


O Sinsenat não medirá esforços para que tudo seja esclarecido e todos os responsáveis sejam devidamente identificados!

214 visualizações

Posts recentes

Ver tudo
  • Instagram ícone social
  • Facebook Social Icon
  • YouTube ícone social

© 2019 

Website criado pelo SINSENAT